30/07/2019 as 07:53

ARTIGOS

Por que somos contra as privatizações?


As privatizações são parte do receituário dos capitalistas para obter lucros, pois adquiriram a preço de banana as empresas que foram construídas pelo Estado com dinheiro publico. Isso é uma verdadeira rapina imperialista, já que as empresas públicas passam a ser controladas por grandes companhias internacionais. Um exemplo disso é a Vale do Rio do Doce, privatizada por FHC (PSDB) foi entregue por R$3,3 bilhões, mas só em reservas naturais tinha R$100 bilhões à época.


Hoje, em meio à crise econômica que teve início em 2008, as privatizações voltaram ao receituário econômico. Foi assim nos governos do PT que privatizou portos, aeroportos e o maior campo do pré-sal (Libra), seguiu no governo Temer com a venda da Embraer e agora é a política central do governo Bolsonaro. Este governo de ultradireita e ultraliberal está entregando a Petrobras e suas concessionárias como a BR Distribuidora, quer privatizar os Correios e está acabando com as universidades públicas. Os governos estaduais seguem a mesma cartilha, por isso, Belivaldo Chagas (PSD) e Eliana Aquino (PT) querem vender a Deso.


Não podemos aceitar que as empresas públicas sejam moeda de negociações que tem o único objetivo de continuar enchendo de dinheiro o bolso de uma minoria de capitalistas internacionais, que tem a burguesia brasileira como sua sócia menor. Enquanto uma minoria segue lucrando, a maioria segue na pobreza, ganhando um salário rebaixando e tendo seus direitos sociais e trabalhistas atacados.


Por isso, o PSTU chama os trabalhadores a se organizarem e a lutar em defesa dos seus direitos e contra as privatizações. É preciso reestatizar as empresas que já foram privatizadas. Essa luta é uma questão de soberania nacional.


Chamamos a defesa das empresas públicas, que estas deixem de ser moeda de troca dos governos, pelo fim do controle por indicações dos governos, mecanismo que tem mantido a fonte de corrupção. As empresas públicas devem ser controladas pelos trabalhadores.

Vera Lúcia Pereira da Silva Salgado/Ex-candidata a presidente da República pelo PSTU