15/06/2018 as 13:32

Cultura

Forró Caju nos bairros resgata tradição cultural dos festejos juninos em família

Ao total, serão 18 bairros, além da Rua de São João, que receberão essa festa.


Forró Caju nos bairros resgata tradição cultural dos festejos juninos em famíliaFoto: Edinah Mary

O Forró Caju nos bairros iniciou já mostrando que veio mesmo para fincar as suas raízes e assim perdurar por vários anos. Na noite desta quinta-feira, 15, a Coroa do Meio e o Inácio Barbosa deram a largada para a grande novidade dos festejos juninos desta edição, promovida pela Prefeitura de Aracaju e pela Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju). Ao total, serão 18 bairros, além da Rua de São João, que receberão essa festa.

A abertura do Forró Caju mais próximo de casa veio carregada de alegria, tranquilidade e beleza, além de uma boa dose de movimento na economia local. “Estou muito feliz com o retorno do Forró Caju, principalmente, com essa ideia de fazer festa em cada bairro. É muito importante para mim, porque é daqui que me sustento. Esta iniciativa do prefeito Edvaldo Nogueira ajuda ainda mais a nossa economia”, afirmou a ambulante Ana Cristina, que trabalha há 30 anos no ramo, sendo dez deles dedicados somente aos festejos juninos.

A animação na Coroa do Meio ficou por conta dos grupos ‘Capunga do Forró’ e ‘Tonho Baixinho e Trio Ave Rara’. Já no Inácio Barbosa, a programação foi com o ‘Trio Cacimba’, ‘Mimi do Acordeon’ e a apresentação da ‘Quadrilha Cacimba Nova’. O cantor Valdoilson Santos, da banda ‘Capunga do Forró’, destacou a importância do processo de seleção dos músicos que irão tocar nos festejos juninos de Aracaju. “É motivo de muita felicidade voltar a tocar no Forró Caju. Graças ao prefeito e a todos que fizeram uma seleção bem organizada e sem apadrinhamento político”.

Para o vice-presidente da quadrilha ‘Cacimba Nova’, Sidney Menezes, o Forró Caju nos bairros fortalece a divulgação das quadrilhas, principalmente, as que estão iniciando agora. “O nosso grupo de dança foi criado há um ano e muita gente ainda nem sabe que existe, por isso que é importante participar deste evento, tanto pela cultura, quanto pela divulgação e reconhecimento. Além disso, dançar em nosso bairro é um momento de grande emoção”, ressaltou.

A moradora do Inácio Barbosa, Kimbily Tarciana, resumiu, por meio de poucas palavras, o que viu e sentiu no seu primeiro dia de forró, ali bem pertinho da sua casa, reforçando a verdadeira finalidade do projeto Forró Caju nos bairros. “O que temos aqui é um momento familiar e de calmaria, resgatando a cultura dos festejos juninos de Aracaju, valorizando a tradição e gerando mais economia e renda para a comunidade”.

Programação desta sexta-feira, 15:

Lamarão – Avenida Lamarão

19h– TRIO PÉ QUENTE
21h – QUADRILHA PISA NA BRASA
21h30 - MARCOS PAULO

Coqueiral – Calçadão da Av. Euclides Figueiredo

18h – TRIO XODÓ DA VILA
20h – QUADRILHA XODÓ DA VILA
20h30 – ZÉ COSTA FORRÓ MANDACARU