13/07/2017 às 09h45 - Esportes

Mimica sente o tornozelo e não enfrentará o Salgueiro

Gabriel, que o substituiu contra o ASA, deve ser efetivado na posição.

O zagueiro Mimica está fora dos planos do Confiança para o jogo das 20h30 do próximo sábado, no Estádio Cornélio de Barreto, em Salgueiro, diante da equipe que tem o nome da cidade do interior pernambucano. O duelo, válido pela décima rodada do Grupo A, da Série C, do Campeonato Brasileiro de Clubes, pode significar para o time proletário uma proximidade do G-4, em caso de vitória, e uma posição entre os quatro últimos colocados, se for derrotado.

 

Foto: Osmar Rios

 

Substituído, segunda-feira, no empate com o ASA, por 1 a 1, no Batistão, por causa de uma lesão no tornozelo, o defensor proletário passou por uma minuciosa avaliação médica e, como ficou constatada uma gravidade acima do normal, foi vetado dos primeiros ensaios com bola da semana e, consequentemente, do apronto de ontem, visando ao embate com o Carcará do Sertão.

 

“Gostaria muito de viajar com o time, pois o jogo é da mais alta importância para a pretensão do Confiança, no campeonato. Como não será impossível, o que me resta e ficar, aqui, me recuperando da contusão para a partida com o Moto Club, quando espero voltar a reocupar a posição de titular”, disse Mimica.

 

Para suprir a vaga de Mimica, o técnico Leandro Sena conta com duas opções: Gabriel e Matheus Salustiano. Mas, no encerramento dos preparativos da equipe, ocorrido, na tarde de ontem, no Gigante da Praia, o comandante deu fortes sinais de que a sua intenção é efetivar, na posição, o jovem atleta, revelado pelas divisões de base de clube, muito embora a segunda opção não esteja descartada.

 

Quanto ao lateral esquerdo Radar que, também, não retornou para o segundo tempo do encontro com o alvinegro arapiraquense, em decorrência de um desconforto na coxa, tudo levar a crer que não deve se constituir em problema para a direção técnica.  A expectativa de Leandro Sena, ontem, era que o atleta treinasse sem problema, para ter seu nome relacionado para a viagem. 

 

A delegação do campeão sergipano embarca em direção a Salgueiro, nesta quinta-feira, após o café. Amanhã, às 15h30, no Cornélio de Barros, Leandro Sena orientará uma atividade recreativa. O volante Dudu José, os meias Gilsinho e Jeffinho, e o atacante Frontini, cujas situações, junto à CBF, estavam sendo providenciadas pelo supervisor Cley Sá, além do goleiro Genivaldo, devem reforçar a agremiação do Bairro Industrial, no duro compromisso.

 

Sobre o adversário, o técnico Leandro declarou que é muito difícil, principalmente, jogando em casa. Por isso dele garante só esperar por dificuldades. Mas, apesar as adversidades previstas, o orientador alviazul declarou que o time está refeito do empate com o ASA, quando a ordem era vencer, e disposto a tudo para quebrar o longo jejum de sete jogos sem vitória.

 

“Temos de dar um basta nesse desempenho irregular da equipe, que incomoda a todos, em especial a torcida, há quase dois meses não comemorar uma vitória. Vai ser uma partida muito complicada, como todas estão sendo. Isso porque, como o Confiança, o Salgueiro, vindo de um triunfo em cima do Remo, em Belém, na última segunda-feira, não admite outro resultado, a não ser uma vitória, e para evita-la temos de estar muito bem preparados. Mas sobre isso, os jogadores estão alertados e a esperança é que, em campo, eles não repitam nem um pouco do que apresentaram no segundo tempo do jogo com o ASA. Isso se confirmado, com certeza, teremos condições de nos superar e conquistar um belo resultado”, explicou Leandro Sena. 

Comentários

comments powered by Disqus