29/01/2018 às 10h11 - Futebol

Confiança tenta se livrar do incômodo no Paulo Barreto

Equipe encara o Lagarto, precisando vencer e pensando em sair do Z-4.

Por: JornaldaCidade.Net

Vencer, vencer ou vencer. É, mais uma vez, em cima dessa máxima, criada pelo ex-presidente do Fluminense, do Rio de Janeiro, Francisco Horta, que o Confiança viaja, neste sábado, a Lagarto, para tentar, no Estádio Paulo Barreto de Menezes, acabar com o jejum de três jogos sem vitória, na primeira fase do Sergipão 2018.  O adversário do será a equipe que recebe o nome da cidade, que, quinta-feira, ensaiou o início de uma crise, com a dispensa do técnico Gabriel Lisboa, depois do empate, no dia anterior, com o Olímpico, de Itabaianinha, por 2 a 2. 

Na Série C do ano passado a máxima foi colocada em prática e deu certo. Tudo aconteceu, quando o campeão sergipano estava às portas do rebaixamento para a quarta divisão do futebol brasileiro e necessitava de quatro resultados positivos, para se manter na competição e conseguiu. Agora, tudo o que os proletários mais esperam é que a história se repita, com o time triturando o Alviverde da Terra de Silvio Romero e iniciando uma trajetória de resultados positivos, no campeonato.

Com apenas dois pontos, em seu ativo da tábua de classificação, o Confiança, hoje, pode até se livrar do negativo estágio em que se encontra, ou seja, fora do hexagonal que definirá os finalistas do certame, se este se encerrasse hoje. Para que isso ocorra, o grêmio alviazul da Zona Norte de Aracaju não dependerá somente dos seus esforços. Isso porque, além de levar de vencida os lagartenses, terá de torcer para que o Frei Paulistano, pelo menos empate com o Olímpico em seu jogo programado para, este domingo, no Titão, em Frei Paulo.

“Primeiro que tudo, o que o Confiança tem mais de fazer é procurar derrotar o Lagarto. O resultado em Frei Paulo é só um detalhe. O mais importante é que vençamos e, com isso, possamos vislumbrar dias melhores, nessa fase classificatória do campeonato”, disse o diretor de futebol Ernando Rodrigues.

No campo, o técnico Ailton Silva, satisfeito com a atuação de quarta-feira, no empate com o Dorense, no Batistão, treinou a equipe, ontem à tarde, no Sabino Ribeiro, em um ensaio com bola. Durante a prática, o comandante, também, movimentou os jogadores em vários tipos de jogadas, entre as quais a de finalização. Nesse item, o time não se houve bem no encontro com o Touro, por conta das inúmeras chances de gol desperdiçadas.

“Contra o Dorense, mesmo com a ampla superioridade, nos dois tempos do jogo, o Confiança pecou muito, nas finalizações. O adversário, não. Na única que teve não jogou fora. Agora, o que resta a nossa equipe é entrar em campo, neste domingo, no Barretão, mostrar a sua força e dar uma grande demonstração que o seu objetivo é o bicampeonato”, declarou Ailton Silva.

 

Lagarto: Neco assume

No Lagarto, o empate com o Olímpico, de Itabaianinha, pelo placar de 2 a 2, no meio da semana, não foi visto com bons olhos pelos dirigentes alviverdes. A insatisfação foi tamanha que, no dia seguinte ao fiasco, o técnico Gabriel Lisboa e seus auxiliares terminaram sendo dispensados. Para o posto, a direção do clube convocou o treinador do quadro Sub-19, Neco, que ficará, interinamente, até a contratação de um novo treinador, o que deverá ocorrer, no início da próxima semana.

Na classificação geral do campeonato, as duas equipes estão em situações distintas. O Lagarto está em sexto lugar, com quatro pontos, e o Confiança em oitavo, com apenas dois.

Comentários

comments powered by Disqus