31/07/2018 as 08:39

Esportes

Derrota para o Santa deixa o Confiança em dificuldade

Revés mantém proletários longe da luta por vaga na Série B em 2019


Derrota para o Santa deixa o Confiança em dificuldadeFoto: Divulgação

Desolação. Foi, mais uma vez, sob esse clima que a delegação do Confiança desembarcou, na manhã do último domingo, no Estádio Sabino Ribeiro, procedente da cidade de Recife, onde, na tarde do dia anterior sofreu outro duro baque no Grupo A da Série C, do Brasileiro de Clubes, ao ser goleado, pelo Santa Cruz, no Arruda, pelo folgado placar de 4 a 0.


Derrotado pelo Tricolor Pernambucano, o time dirigido pelo técnico Betinho, que há bem pouco tempo, era um candidato em potencial a se classifucar à segunda fase da competição, agora, terá de fazer o que nenhum torcedor alviazul imaginava: brigar para não correr o risco de concluir a primeira etapa entre os dois últimos colocados e, consequentemente, rebaixado à quarta divisão do futebol brasileiro.


Com o resultado de sábado, o Dragão, com os mesmos 19 pontos de antes, perdeu uma posição, na tábua de classificação, passando de sexto para sétimo colocado. E não é só isso, assistindo ao Remo, com 18 e, ao Juazeirense e ao Salgueiro, com 17 pontos cada, a duas rodadas para o fim da etapa, tentando, como loucos, sair da zona perigosa do campeonato.


Na penúltima rodada da fase inicial do certame, programada para o próximo fim de semana, a equipe sergipana viaja até Rio Branco, no Acre, onde, domingo, às 19h, no Estádio Florestão, terá pela frente o Atlético Acreano, que vem de uma derrota, fora de casa, para o Botafogo, da Paraíba, pelo placar de 1 a 0. A agremiação do bairro Industrial encerra a sua participação na etapa classificatória no dia 11 de agosto, às 19h30, quando encara, no Batistão, o Globo, num duelo em que poderá estar brigando para permanecer na Série C, caso não vença os acreanos.


Os preparativos para o jogo com o Galo Carijó serão iniciados, nesta terça-feira, com treinos nos dois períodos e com portões fechados à imprensa e aos torcedores. Acesso às dependências internas do Sabino Ribeiro, só após às 17h. Com o elenco livre de problemas de ordem disciplinar, a expectativa, no clube, agora, é pelos restabelecimentos do meia Raí e do atacante Iago, que seguem entregues ao departamento médico se recuperando de lesões.