07/01/2019 as 18:54

O QUE É NOTÍCIA NO MUNDO

Giro internacional do esporte

Dono do time de Alexandre Pato é preso na China



Ao que parece, Lucas Paquetá está sendo bem recebido na Itália, onde desembarcou neste domingo para se apresentar ao Milan, que o tirou do Flamengo por 35 milhões de euros (aproximadamente R$ 150 milhões). Por parte do clube, pelo menos, esforços não faltam para que o meio-campista se sinta à vontade, como, por exemplo, a criação de um perfil em português no Twitter.

E logo na primeira publicação do novo perfil, foi publicado um vídeo com lances do jovem de 21 anos de idade, além de um recado do mesmo para os torcedores rossoneros.

“Fala, torcedores! Aqui é o Lucas Paquetá, eu sou meio-campista e estou vindo para ser mais um a ajudar o Milan a retomar o caminho das vitórias e dos títulos, com o objetivo de estar sempre dando alegria a vocês. Um abraço. Força, Milan!”, falou o ex-flamenguista, que já realizou seu primeiro treino junto aos novos companheiros e que tem apresentação marcada para esta terça-feira, a partir das 12h (no horário de Brasília).


Dono do time de Alexandre Pato é preso na China

(Foto: Gazeta Esportiva)


Em operação policial por conta de acusações de propagandas falsas, Shu Yuhui, dono do Tianjin Quanjian, foi preso nesta semana na China. A equipe tem como destaque o atacante Alexandre Pato, além do meia-atacante Geuvânio, que retornou em janeiro do empréstimo ao Flamengo.

Segundo informações da agência Reuters, diversos veículos da cidade de Tianjin noticiaram que, além de Shu Yuhui, 17 outros diretores do grupo que administra a equipe chinesa foram presos. Fundado em 2004, o conglomerado abrange também uma rede de hospitais especializada no combate ao câncer, além de comercializar remédio e cosméticos de beleza.

Com a prisão dos dirigentes do grupo à frente do Tianjin Quanjian, existe a possibilidade da transferência de Alexandre Pato ser facilitada. O atacante tem contrato até o fim deste ano com o clube chinês e sua multa rescisória está fixada em 25 milhões de euros (cerca de R$ 105 milhões de reais). O time tem dificuldade para seu salário, que é um dos mais altos do elenco, o que também poderia abrir portas para sua saída.


Real Madrid oferecerá 100 milhões de euros por Eriksen


(Foto: Glyn Kirk/AFP)

O meio-campista Christian Eriksen, do Totthenham, é um dos jogadores mais disputados desta janela de transferências europeia. Segundo informações do jornal inglês The Sun, o Real Madrid prepara uma oferta de 100 milhões de euros (cerca de R$ 425 milhões) pelo jogador dinamarquês, valor que seria suficiente para os Spurs aceitarem a proposta. Os contatos entre os dois times se intensificaram nos últimos dias.

Eriksen tem contrato com o Tottenham até o meio de 2020 e, aos 26 anos, é referência técnica do time ao lado de Harry Kane. O time do norte de Londres ofereceu nas últimas semanas uma renovação com um salário de aproximadamente R$ 4,5 milhões, porém o jogador a princípio não aceitou. Nesta semana, Pochettino afirmou que a permanência do dinamarquês no clube seria “fantástica”.

Desde que chegou aos Spurs em 2013, Eriksen marcou 62 gols e contribuiu com 78 assistências em 251 partidas. Caso fosse contratado pelo Real, teria a concorrência de Isco, Asensio e Lucas Vázquez no setor ofensivo do meio-campo madrileno.


Sarri admite que saída ao Monaco vai beneficiar Fàbregas

De saída para o Monaco, Cesc Fàbregas está vivendo seu últimos momentos como jogador do Chelsea, clube que defende desde julho de 2014, quando chegou do Barcelona. E tudo indica que a partida do último sábado, diante do Nottingham Forest, pela Copa da Inglaterra, foi a última do meio-campista de 31 anos de idade com o uniforme azul. Após o apito final, o técnico Maurizio Sarri falou sobre a transferência, admitindo que a proposta é proveitosa ao atleta.

-Na minha opinião, ele tem que ir. Você sabe sobre a situação, que nesse clube tem uma regra: a renovação para jogadores acima de 30 anos é de um ano. Ele tem uma oferta de dois anos. Eu não quero um jogador da importância de Fàbregas infeliz-, afirmou.

Para além da questão contratual, o Monaco também oferece a oportunidade do espanhol ser mais utilizado do que nos Blues, onde é reserva e não conta com grande minutagem nesta temporada. Todavia, Sarri garante que o meia fará falta no plantel do time inglês, que terá de ir ao mercado para repor a perda.

-Se Fàbregas for, obviamente precisamos de reposição. Agora, temos um problema no meio, eu acho. Sem Cesc, só temos cinco opções, então temos um problema. Precisamos de reposição-, apontou.

Entre Fàbregas e Monaco já estaria tudo acertado, restando apenas o aval do Chelsea para a negociação ser concretizada. O entrave seria justamente a falta de opções no elenco londrino para suprir a saída do jogador. Os cinco atletas a que se refere o treinador italiano são: Jorginho, Kanté, Kovacic, Loftus-Cheek e Barkley, sendo que nem todos possuem as mesmas características do camisa quatro.


Villarreal anuncia volante Iborra, ex-Leicester

Tentando ganhar força na luta contra o rebaixamento no Campeonato Espanhol, o Villarreal anunciou novo reforço nesta segunda-feira. O volante Vicente Iborra, que estava no Leicester, assinou por quatro temporadas e meia com o clube espanhol, que defenderá até junho de 2023.

Iborra chega ao Villarreal depois de uma temporada e meia no futebol inglês. Antes disso, o meio-campista de 30 anos defendeu o Sevilla entre 2013 e 2017, conquistando três vezes a Liga Europa no período. O jogador foi revelado pelo Levante, clube que defendeu em suas primeiras cinco temporadas como profissional.

No meio-campo do Villarreal, Iborra terá a concorrência de Javi Fuego e Cáseres por uma vaga no time titular. A equipe ocupa a 17ª posição do Campeonato Espanhol, com 17 pontos, e vem de empate por 0 a 0 com o Eibar no último domingo.