22/01/2019 as 09:50

Esportes

Sergipe sem problemas para duelo com o Náutico pela Copa do NE

Luizinho Vieira aprontou o time ontem à tarde em um treino tático


Sergipe sem problemas para duelo com o Náutico pela Copa do NEFoto: Globo Esporte

Com o elenco ileso, ou seja, sem problema tanto de ordem médica quanto disciplinar. É assim que Sergipe volta a campo, às 21h30 (horário de Sergipe), desta terça-feira, para encarar a equipe do Náutico, de Pernambuco, no Estádio Batistão, pela segunda rodada do Grupo A da Copa do Nordeste de 2019.


Em sua estreia na competição, o time rubro não foi bem-sucedido, pois foi derrotado por 2 a 1, pelo ABC, em partida disputada, na terça-feira passada, Arena das Dunas, em Natal. O Timbu, no mesmo dia, também, não se deu bem em seu primeiro compromisso no torneio, já que foi derrotado pelo Fortaleza, pelo escore de 3 a 1, em pleno Estádio dos Aflitos, em Recife.


Vitoriosos, por 4 a 0, no sábado passado, contra o Frei Paulistano, na segunda rodada do Campeonato Sergipano da Série A-1 de 2019, os jogadores que foram a campo se reapresentaram, na tarde de ontem, no João Hora de Oliveira, para um único treino com bola, visando ao duelo com o Alvirrubro Pernambucano. Após o ensaio, o grupo entrou em regime de concentração, nas dependências do clube. Os que não foram relacionados para a partida com o Touro do Sertão treinam, coletivamente, na manhã de hoje.


O técnico Luizinho Vieira, satisfeito com o triunfo em cima da agremiação frei-paulense, trabalhou o time em apenas um treinamento tático, com duração de noventa minutos. Apesar do pouco tempo, que teve para armar o onze vermelhinho, a expectativa do treinador é que os rubros realizem mais uma grande partida e encaminhem o Mais Querido para mais um grande resultado.


“Precisamos de uma vitória diante do Náutico, para reaparecermos mais forte na competição. O jogo vai ser muito difícil, visto que o Timbu vem de derrota e, como nós, vai correr como nunca atrás do resultado que mais lhe interessa. Mas o Sergipe, ninguém duvide, vai a campo imbuído de uma só proposta: vencer e iniciar uma trajetória de resultados positivos, na temporada”, disse o comandante.


Sobre a formação que será escalada, de primeira, Luizinho vão quis muita conversa. Limitou-se, apenas, em afirmar que o Sergipe vem dando uma grande demonstração de que está evoluindo e que a tendência é melhorar a cada jogo. A definição só deve sair mesmo no vestiário, muito embora o experiente orientador tenha demostrado que não está inclinado a promover mudanças, em relação ao time que enfrentou o Frei Paulistano.


Quanto ao adversário, desta terça-feira, o ex-treinador do Luverdense, do Paraná, declarou que, não obstante vir de resultados negativos, para o Fortaleza, pela Copa do Nordeste, e para o Central de Caruaru, pelo Campeonato Pernambucano, merece todo respeito.


“Será mais um osso duro de roer que o Sergipe terá pela frente. Afinal, o Náutico deve vir com a força máxima, o que significa dificuldades para a nossa equipe”, emendou Luizinho Vieira.