13/04/2018 às 08h57 - Fortalecimento

Associação Brasileira de Hotéis elege presidente

Posse de Antônio Carlos Franco Sobrinho ocorre no dia 7 de maio

Por: Lais de Melo/Jornal da Cidade

“Vamos trabalhar para fortalecer a associação e divulgar o destino Sergipe para outros estados e países. A gente vai cobrar dos governos”, disse Antônio Carlos Franco Sobrinho, eleito no final da tarde de ontem presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih). A eleição ocorreu na Pousada do Sol, na Orla de Atalaia. Compõem a chapa 13 pessoas, sendo a ex-presidente da Abih, Daniela Mesquita, 1º vice. A posse do novo presidente ocorre no dia 7 de maio. 

 

Agora como presidente, Antônio Carlos revelou que vai pleitear junto aos governos municipais e estadual a melhoria da divulgação do destino Sergipe, além de fortalecer a imagem da própria associação e torná-la mais presente e vista pelos sergipanos também nas mídias sociais. 

 “A associação acaba fazendo um papel que é do governo. Como o governo e a prefeitura não fazem nada para o turismo, não divulgam nada em feira, não fazem parcerias com empresas, a gente é que faz, pois não podemos ficar parados. O grande problema hoje é vender o destino. Quem está lá fora precisa saber que em Aracaju tem várias atrações, é uma cidade pacata, que tem atrativos turísticos, isso o Estado não faz há muito tempo, só falando em Prodetur e até agora nada, só promessas”, conta o novo presidente. 

Apesar de terem relação amigável com os governos, Antônio Carlos diz que não priorizam as pastas. “Alguns municípios próximos, como Campina Grande e Maceió já divulgaram as atrações e dias da festa de São João, pois o turismo precisa vender os pacotes sabendo essas informações, mas em Aracaju Edvaldo foi para os jornais dizer que faria a festa porque conseguiu recursos com André, mas a gente não sabe nada além disso. Não tem programação, ele não garantiu datas. Ou seja, o nosso problema realmente é falta de planejamento. Não tem gestão na pasta de Turismo, foi uma coisa que sempre foi capricho de partido político”, acredita.

 Mesmo Aracaju tendo um voo direto para Buenos Aires, Sobrinho revela que praticamente não tem turista argentino visitando a cidade. “Quer dizer, falta de planejamento do Estado que não foi lá vender o destino. Conseguiu o voo, mas não vendeu o destino, assim não funciona, aí daqui a pouco o voo é retirado da rota e vamos perder uma coisa que lutamos para conseguir, porque a empresa só coloca um voo se tiver passageiro, se não tiver ela muda o roteiro. Essas são algumas situações que vamos batalhar. Precisamos aproveitar a oportunidade desse voo da Gol, mas precisa divulgar para trazer esse turista argentino para cá”, finalizou. 

Comentários

comments powered by Disqus