12/07/2017 às 09h35 - Educação

Escola Eficiente: Educação capacita profissionais escolares em Socorro

Essa iniciativa do governo estadual visa esclarecer e orientar a comunidade escolar sergipana sobre a importância do respeito às legislações e às normas educacionais.

A Secretaria de Estado da Educação (Seed) realizou na manhã desta segunda-feira, 10, mais uma edição do projeto “Escola Eficiente”. Elaborado e desenvolvido pelo Departamento de Inspeção Escolar da Secretaria de Estado da Educação (Dies/Seed), essa iniciativa do governo estadual visa esclarecer e orientar os membros da comunidade escolar sergipana sobre a importância do respeito às legislações e às normas educacionais para o funcionamento das instituições de ensino e as consequências do descumprimento dessa base legal.

A ação foi realizada na Escola Municipal Manoel Cunha e foi destinada a diretores, coordenadores, secretários das escolas e técnicos da secretaria municipal de Educação de Nossa Senhora do Socorro. A abertura foi feita pela secretária de Educação de Socorro, professora Marieta Barbosa, e pela diretora do Dies, professora Eliana Borges.

De acordo com Eliana, essa é uma tentativa de resgatar a profissionalização das escolas. “É uma mudança de postura. O Escola Eficiente é hoje um projeto de governo, porque estamos conseguindo fazer com que os gestores entendam a necessidade de se manterem informados acerca das inovações na legislação educacional, do valor que tem uma escola legalizada, de uma gestão feita com administração embasada nos atos legislativos”, explicou.

 

Oficinas

Durante toda a manhã, os participantes assistiram oficinas ministradas por técnicos da Seed. A professora Rivânia Andrade promoveu oficina para os diretores escolares sobre os procedimentos para a regularização, visando fazer com que as escolas sejam eficientes e tenham seus atos autorizativos em dia. Ela falou também sobre o de credenciamento das escolas, autorização, renovação da autorização, reconhecimento, organização curricular, entre outras informações.

Os coordenadores assistiram a oficina ministrada pela professora Maria Vilma da Rocha. Ela deu ênfase ao trabalho pedagógico dos coordenadores no acompanhamento das escolas e compartilhou a sua experiência sobre auditagem, diligências e tudo o que a escola precisa ter para que seja eficiente. Estrutura física, preenchimento dos diários de classe, observância da organização curricular e vida escolar dos alunos foram alguns dos pontos tratados por ela.

Já os secretários escolares assistiram a oficina do professor Gilmar Meneses Santana, que falou sobre a relação das secretarias com a documentação escolar. Ele tratou de assuntos como transferências, expedição de certificados de conclusão, expedição de declarações, a responsabilidade que os secretários têm em relação aos documentos para que as informações sejam fidedignas e que não haja problemas no preenchimento desses instrumentais.

De acordo com a assessora do Dies, Ana Lucia Muricy, a parceria com os municípios para a troca de experiências é de fundamental importância. “Toda essa preocupação é para que andemos juntos, estado e municípios, para que tenhamos uma educação eficiente em Sergipe. O projeto tem a dimensão de capacitar todos para que tenhamos uma melhoria considerável em nossos resultados, como no Ideb, e assegurar que a sociedade tenha escolas devidamente autorizadas”, afirmou.

 

Calendário

O projeto Escola Eficiente já tem agendadas outras visitas a municípios sergipanos. No mês de julho, a ação contemplará as cidades de Santa Rosa de Lima (13/07), Aracaju (19/07), Rosário do Catete (25/07) e Estância (26/07).

Em agosto será a vez de Lagarto (02/08), Itabaiana (09/08), Japaratuba (16/08), Gararu, Nossa Senhora de Lourdes e Itabi (22/08), Nossa Senhora das Dores (23/08) e Nossa Senhora do Socorro (30/08). Já no dia 12 de setembro será a vez de Nossa Senhora da Glória.
 

Fonte: ASN

Comentários

comments powered by Disqus