seta proxima

Próxima

Cidadania

30/10/2017 às 08h33 - Periscópio

João Dória e Albano

Prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), jantou com o empresário e ex-governador de Sergipe, Albano Franco

Por: JornaldaCidade.Net

Foto: Divulgação

Na noite de quinta-feira, depois da solenidade em que foi condecorado cidadão sergipano, o prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), jantou com o empresário e ex-governador de Sergipe, Albano Franco. O encontro, que teve ainda as presenças do prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, do presidente da Alese, Luciano Bispo, do deputado federal Valadares Filho e outras 12 personalidades, aconteceu no apartamento de Albano.

 

Credenciamento

Para o empresário Albano Franco, que já foi o comandante do PSDB sergipano, João Dória, que tem dito que ainda é cedo para pensar numa candidatura à Presidência da República em 2018, está se credenciando ainda.

 

Vaias

Durante o ato de concessão de cidadania, umas dez pessoas vaiaram João Dória. Ele retrucou dando porradas verbais nos manifestantes, acusados de serem petistas.

 

Aliança 1

Sobre o episódio, a deputada Maria Mendonça emitiu uma nota: “Em momento algum fui chamada para tratar sobre a eleição da mesa diretora que resultou na vitória da vereadora Ivoni (PMDB), que se sagrou vitoriosa no pleito pelo fato de ter idade superior à do vereador José Teles (PR)”.

 

Aliança 2

Além disso, Maria afirmou: “Da nossa parte, nunca discutimos chapa, rompimento, aliança ou qualquer outro elemento do processo eleitoral, nem com o prefeito Valmir de Francisquinho (PR) nem com qualquer outro político”.

 
Dória em SE 1
Durante a passagem por Aracaju para ministrar palestra, João Dória (PSDB), prefeito de São Paulo, recebeu o título sergipano e aproveitou para doar obras raras do Museu Mário de Andrade para o Tribunal de Contas do Estado.
 
 
Dória em SE 2
O senador Eduardo Amorim (PSDB) esteve presente nos compromissos com João Dória durante a passagem. Inclusive, sinalizou até uma “casadinha de apoio” para a eleição de 2018. Todavia, nada confirmado. Apenas “rasgação de ceda” de ambos os lados.
 
 
Eleição de Itabaiana 1
Conforme o JC acompanha, a eleição da mesa diretora da Câmara de Itabaiana, que ocasionou no rompimento de Valmir de Francisquinho (PR) com a deputada estadual Maria Mendonça (PP), pegou de surpresa até o senador Amorim. “A gente fica triste quando isso acontece entre amigos. Espero que haja uma reconciliação, tudo se entenda e que volte ao normal. Espero que haja um entendimento o quanto antes”, comentou.
 
 
Eleição de Itabaiana 2
Ainda impressionado com o ocorrido, Amorim assegurou que ainda não falou direito com ambos. “É muito triste ver amigos se separando. Nesse final de semana eu pretendo falar com os dois sobre isso”, disse.
 
 
Aterro
Na próxima quarta-feira, dia 1º, às 15 horas, na sede da Comarca de Cedro de São João, o juiz de Direito Glande Rebouças se reúne com o Ministério Público, os prefeitos do Baixo São Francisco, representantes do Estado e iniciativa privada para tratar do projeto de construção de um aterro sanitário em Japoatã, que irá beneficiar toda a região.
 
 
 

Foto: Divulgação

Planejamento 1
O prefeito Edvaldo Nogueira reuniu todo o secretariado durante reunião do Comitê Executivo do Planejamento Estratégico de Aracaju, na tarde desta sexta-feira, 27, para discutir o andamento dos projetos da administração. No encontro, o gestor municipal fez um balanço das ações dos primeiros nove meses do seu governo e discutiu o cronograma de atividades dos próximos meses.
 
 
 
Planejamento 2
“Saímos da fase do debate. Agora é o momento de colocar em prática, é a realização, é o momento de transformar o nosso sonho em realidade. Temos 65 projetos definidos, que se dividem em mais de 400 ações. A partir de agora teremos um controle rigoroso do que está sendo desenvolvido para apresentar os resultados para a sociedade aracajuana”, afirmou o prefeito, que ainda ponderou sobre a necessidade de manter o controle de gastos, diante da crise financeira do país e das dívidas herdadas. 
 
 
HC
O consórcio que está responsável pela construção do Hospital do Câncer de Sergipe vai deixar o canteiro de obras na próxima terça-feira. O consórcio Honcose, das empresas Pórtico e WVG, venceu a licitação para entregar o HC. Os trabalhos estavam orçados em R$ 62 milhões e tinham prazo de 36 meses. Mas até agora, um ano depois, menos 3% da obra está concluída. O governador conseguiu rescindir o contrato amigavelmente. O Estado possui recursos em caixa para avançar na construção, mas não há prazo para a retomada.

 
Rainha da Inglaterra
Um secretário estadual está sendo apelidado por alguns colegas e políticos de rainha da Inglaterra. Isso porque, apesar de comandar a pasta, ele não tem sido chamado para reuniões importantes. Em Brasília, acompanhando o governador em visitas técnicas, ele pouco fala – seus assessores é que fornecem os dados da pasta. Além disso ele não apresenta ideias novas para o seu setor, que é central e passa por dificuldades. Isso prejudica o governo.

Primeira vez
“Em quase cinco anos de governo, o Finisa é meu primeiro empréstimo”. A declaração é do governador Jackson Barreto (PMDB), sobre o financiamento solicitado para recuperação das rodovias estaduais. Em entrevista ao radialista Gilmar Carvalho ele ainda destacou o impacto econômico dessas obras. Jackson também explicou que a operação não compromete as finanças estaduais, haja vista que o Estado já quitou R$ 750 milhões de empréstimos de outras gestões. 
 

Comentários

comments powered by Disqus