seta proxima

Próxima

Atirou

07/11/2017 às 08h17 - Periscópio

Sem pressão

André Moura parece que não vai ceder e vai ajudar o governador Jackson Barreto

Por: JornaldaCidade.Net

Foto: Divulgação

Apesar de pressionado pelo senador Antônio Carlos Valadares (PSB) para trabalhar vi-sando não deixar sair o financiamento de R$ 560 milhões que o Governo do Estado pede para a Caixa, com o objetivo de reconstruir as estradas de Sergipe, o deputado federal André Moura parece que não vai ceder e vai ajudar o governador Jackson Barreto a conseguir os recursos. O povo do interior vai agradecer aos dois.

 

Não contesta?

O vereador Cabo Amintas concedeu ao JORNAL DA CIDADE uma entrevista polêmica, na qual disse que a Câmara de Aracaju era uma casa de negócios. Ele citou o crescimento da bancada do prefeito Edvaldo Nogueira e questionou como a migração teria acontecido. Interessante mesmo foi que no dia seguinte nenhum vereador tenha contestado ou repudiado a informação.

 

Congresso 1

Ontem foi a abertura do II Congresso Internacional de Contas Públicas no Tribunal de Contas do Estado. Durante a solenidade, estiveram presentes autoridades políticas, como o ex-governador Albano Franco, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), o vice-governador Belivaldo Chagas (PMDB), o deputado federal André Moura (PSC) e o deputado estadual Zezinho Guimarães (PMDB).

 

Congresso 2

Para esta coluna, o ex-governador Albano Franco avaliou como um evento positivo para Sergipe. “Discutir tecnicamente as propostas, o que pode melhorar nas administrações. A finalidade maior que é acompanhar, fiscalizar e orientar”, disse.

 

Amigos fraternos

Falando em Albano, o ex-governador fez questão de acompanhar toda a movimentação da abertura por um motivo forte: a amizade com José Múcio Monteiro Filho, ministro do Tribunal de Contas da União. “Vim ao lado do meu amigo fraterno”, afirmou.

 

Contas públicas 1

Em conversa com a coluna, o vice-governador Belivaldo Chagas comentou que vem acompanhando no dia a dia as dificuldades dos municípios e também as contas públicas do Estado. “O déficit da Previdência é muito grande e automaticamente cria dificuldades para gestão como um todo. Mas estamos trabalhando para deixar as contas sempre em dia, em função do que arrecadamos temos que gastar”, disse.

 

Contas públicas 2

O prefeito Edvaldo Nogueira sinalizou que vem aumentando de forma efetiva a transparência das contas públicas. “Se olhar o que era no ano passado (gestão de João Alves, do DEM), era considerada uma das piores do Brasil. Hoje, estamos avançando e trabalhan-do para recuperar o ranking que nós tínhamos quando eu era prefeito de Aracaju”, pon-tuou.

 

Segredo

Por falar em Edvaldo, durante a solenidade de abertura a organização o colocou para sentar ao lado do deputado federal André Moura, atual líder do presidente Michel Temer no Congresso Nacional. Com o histórico de “rivalidade política” entre os dois, a cena que foi passada no evento foi de pura harmonia. Todavia, o que ficou no “ar” foi o conteúdo das conversas feitas “ao pé de ouvido”. 

 

Pesquisa 1

Pesquisa divulgada pelo radialista Waldson Diniz, durante o programa ‘Juventude Notícias’, aponta membros da família Reis na liderança do levantamento para o cargo de deputado federal, deputado estadual e Senado no município de Lagarto. Fábio Reis (PMDB) aparece com 7,8% das intenções de votos dos lagartenses para o cargo de deputado federal. 

 

Pesquisa 2

O irmão e ex-deputado Sérgio Reis (sem partido) desponta com 12,8% das intenções para o Senado, e Goretti Reis (PMDB) lidera a preferência para o parlamento estadual com 3%. A pesquisa foi encomendada pela rádio Juventude FM, sendo considerado o raio de abrangência da emissora comunitária e realizada pelo Exclusivo Instituto de Pes-quisa.

 

Em Brasília 1

Mais uma vez o governador Jackson Barreto deve se reunir com o líder de Temer no Congresso, o deputado federal sergipano André Moura (PSC), para tratar de assuntos do interesse do Estado. Amanhã, no gabinete do deputado, em Brasília, a pauta será a liberação do financiamento da Caixa, no valor de R$ 560 milhões, para a recuperação das rodovias estaduais, aprovado pela Assembleia Legislativa recentemente.

 

Em Brasília 2

“O governador quer falar sobre o empréstimo. Ele é legítimo porque foi aprovado pela Assembleia Legislativa. Continuo afirmando a minha preocupação com os servidores públicos nos próximos anos, pois a garantia de pagamento são os recursos do FPE. Mas vamos somar forças para acelerar esse processo”, afirmou André Moura, ontem, em entrevista ao radialista Gilmar Carvalho.

 

Licença

O senador Antônio Carlos Valadares (PSB) vai se licenciar do cargo para tratamento de saúde. Em conversa com a coluna ele explicou que ainda não sabe de quanto tempo será a licença, os médicos é que irão definir. “Já venho sendo aconselhado há algum tempo. Agora resolvi atendê-los, tendo em vista que no próximo ano será de muito mais empenho, por causa das eleições, e eu tenho que estar em forma. Antes do final deste mês terei uma posição, após avaliação médica”, disse Valadares.

 

Planejamento

A Secretaria Municipal de Comunicação da Prefeitura de Aracaju informou ontem que o seu planejamento estratégico é um processo de construção coletiva, entre técnicos, secretários, assessores e a coordenação do prefeito Edvaldo Nogueira, iniciado em maio último com a realização de um seminário de dois dias, com a participação de mais de 100 pessoas. Este processo é continuado, conforme a metodologia que rege o planejamento, pois compreende as etapas posteriores de checagem, avaliação e ajuste na aplicação do mesmo PE.

Comentários

comments powered by Disqus