16/04/2018 as 15:20

Na primeira semana de governo, Belivaldo visita Huse e anuncia plano de segurança

Ninguém esperava que o vice assumisse o comando do Estado com tanta disposição.


Na primeira semana de governo, Belivaldo visita Huse e anuncia plano de segurançaFoto: Divulgação

CHEGANDO

 

O governador Belivaldo Chagas chegou chegando. Ninguém esperava que o vice assumisse o comando do Estado com tanta disposição. Na primeira semana ele fez visitas surpresas ao Huse e anunciou um plano de segurança com ações muito importantes, que atendem à cobrança da população. Se mantiver esse ritmo por alguns meses ninguém segura Belivaldo.

 

CAÇA-FANTASMAS 1

 

OMinistério Público de Sergipe (MP/SE) ajuizou nova denúncia na Operação Caça-Fantasmas, em relação a mais cinco supostos servidores fantasmas, lotados no gabinete do ex-vice-prefeito de Aracaju, José Carlos Machado. 

 

CAÇA-FANTASMAS 2

 

Foram acionados também os responsáveis pelas nomeações. Seguem os nomes dos denunciados: o ex-prefeito João Alves Filho, a exsecretária Marlene Alves Calumby, o ex-vice-prefeito José Carlos Machado, Charles José Rodrigues Júnior, Edson Leal Menezes Filho, Eliziário Silveira Sobral Filho, José Américo Sobral, José Armando Alves Santos e Nilo de Oliveira.

 

SAÚDE 1

 

A definição sobre quem comandará a Secretaria de Saúde dirá muito sobre como estará o quadro político para a eleição deste ano. A pasta, que possui o maior orçamento e grande número de servidores, é considerada uma máquina política. Hoje essa máquina é comandada pelo primo do exgovernador, Almeida Lima. E o governador é candidato ao Senado.

 

SAÚDE 2

 

Há rumores insistentes de que a pasta poderia passar para o comando do PT, através de indicação de Rogério Carvalho – que também ensaia uma disputa ao Senado Federal. Se às vésperas da eleição a maior secretaria do Estado sair do comando do PMDB e ir para o PT isso pode significar uma grave crise política na base governista, além da óbvia insatisfação do exgovernador Jackson Barreto. Até porque, dizem, Almeida seria um grande articulador da campanha de JB.

 

FORRO CAJU

 

O prefeito Edvaldo Nogueira convida a imprensa para o anúncio oficial das datas do Forró Caju 2018. A divulgação acontecerá nesta segunda-feira, 16, no auditório do Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos, sede da Prefeitura de Aracaju, a partir das 8h30.

 

RANKING 1

 

O deputado federal Valadares Filho (PSB) é considerado pelo Ranking dos Políticos o melhor congressista de Sergipe. Logo depois dele, em segundo lugar, apareceu o senador Valadares (PSB). Na outra ponta da lista, João Daniel (PT) aparece como o pior parlamentar de Sergipe. A avaliação foi do site políticos. org.br, que divulga o ranking dos políticos brasileiros.

 

RANKING 2

 

O ranking é feito atribuindo pontuação aos deputados e senadores, levando em conta presença nas sessões, gastos com a cota parlamentar, processos judiciais, formação educacional e quantidade de filiação a partidos. O ponto mais polêmico é a atribuição de pontuação negativa a quem foi contra determinados projetos. Quem votou contra o impeachment, por exemplo, perdeu pontos. Quem votou contra projetos que o site considerou importantes, também perdeu.

 

RANKING 3

 

Vejam como ficou a lista com os parlamentares sergipanos: em terceiro lugar apareceu Fábio Reis (MDB); Adelson Barreto (PR) ficou em quarto; seguindo por Jony Marcos (PRB), em quinto. Segue, em ordem de colocação, a lista com os demais: Eduardo Amorim (PSDB); Maria do Carmo (DEM); Laércio Oliveira (PP); André Moura (PSC); Fábio Mitidieri (PSD); e João Daniel (PT).

 

INVIÁVEL 1

 

Entre os questionamentos que se fazem sobre as composições polí- ticas para a eleição deste ano, um dos principais é: o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), vai apoiar André Moura (PSC) para o Senado? Alguns integrantes da base aliada ao Governo do Estado acham isso inviável. Consideram ainda que o resultado eleitoral seria mínimo, no sentido de que na capital há muito do chamado “voto independente”.

 

INVIÁVEL 2

 

Para o mesmo aliado, o objetivo principal do lí- der do presidente Temer foi mostrar os recursos que trouxe, registrando inclusive pronunciamentos e testemunhos empolgados do prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) em favor de André – todos devida e exaustivamente gravados. Muitos aliados acham que não precisava tanto. Bom, no mínimo André anula o adversário que tanto o criticou na eleição passada. Será um a menos para bater.

 

COMPROMISSO

 

O governador Belivaldo Chagas (PSD) terá como metas prioritárias durante os próximos meses melhorar a Segurança Pública e a Saúde, além de dar passos que garantam um relacionamento mais próximo dos profissionais do magistério, que levavam uma vida de conflito com o ex-secretário de Educação, Jorge Carvalho.

 

NATIMORTOS 1

 

No afã de gerar projetos que passem para o eleitor um tom de cuidado, de prestador de serviços, vereadores de Aracaju criaram várias proposituras de leis, entre elas a gratuidade para as pessoas acima de 60 anos, mas acabaram por esquecer de analisar a Constituição Federal, a Legislação Federal e a até a Lei Orgânica do Município de Aracaju – ferramentas que reservam tal iniciativa apenas ao gestor do Poder Executivo, no caso da capital, o prefeito Edvaldo Nogueira, e este ainda limitado à responsabilidade de apontar a fonte de custeio para a gratuidade que for deliberada.

 

NATIMORTOS 2

 

Não por outro motivo, o prefeito Edvaldo Nogueira vetou os projetos entendendo-os inconstitucionais, assim como se deu com inúmeras decisões de Tribunais Superiores a respeito do mesmo tema. Além disso, a Lei Orgânica pontua sobre a necessidade de se fazer uma recomposição tarifária para o caso de novas gratuidades concedidas, especialmente no caso de Aracaju, em que não há subsídio para o transporte – quando um passageiro não paga, outro paga por ele automaticamente na tarifa que reúne o custo do transporte. Certamente, dentre em breve o Tribunal de Justiça de Sergipe deve receber pedidos de anulação das referidas leis municipais, geradas sem vida.