24/05/2018 as 08:17

Gilberto Occhi é denunciado

A GP Engenharia, do empresário Geraldo Majela de Menezes Neto – definido por Occhi como “amigo da família”.


Gilberto Occhi é denunciado

Afasta-se do governo 1
O governador Belivaldo Chagas irá afastar-se do governo, entre os dias 30 de maio e 4 de junho, para fazer exames de revisão de um procedimento cirúrgico realizado em abril de 2017. Os exames serão realizados em São Paulo e o governador reassume a função no dia 4 de junho

Afasta-se do governo 2
Em abril de 2017, Belivaldo retirou três sinais de carcinoma basocelulares benignos e deveria ter se submetido a exames revisionais de rotina após seis meses, o que não ocorreu. Agora, passado pouco mais de um ano, ele irá realizar o exame denominado “Dermatoscopia Digital do corpo total”, em São Paulo, pois esse procedimento não é realizado em Sergipe.

Assume o governo
Durante esse período, assume interinamente a administração estadual o presidente do Tribunal de Justiça de Sergipe, o desembargador Cezário Siqueira Neto, já que o presidente da Assembleia Legislativa, Luciano Bispo, não poderá assumir o comando do Executivo estadual, por motivos eleitorais.

Exames 1
Gerou rebuliço no Município de Arapiraca (AL) a divulgação de que dois vereadores sergipanos, do Município de Japoatã, teriam comentado publicamente que poderiam agilizar a realização de exames no sistema de saúde municipal de Arapiraca. José Luiz Vieira da Silva (PTN), conhecido como “Luiz da Autoescola”, e Manoel Pereira da Silva Filho (PSD), o “Manoel do Assentamento”, fizeram o comentário durante reunião na Câmara Municipal de Japoatã.

Exames 2
De modo descontraído, os vereadores informaram que tinham ótima relação de parceria com a Saúde de Arapiraca, que ligavam para alguém da gestão e no dia seguinte conseguiam exames de difícil agendamento, como ressonâncias magnéticas e tomografias. A presidente da Associação das Mulheres de Arapiraca (AMA), Geórgia Rocha, estava presente e questionou os vereadores sobre o fato.


O jornal O Globo denunciou ontem que o Ministério das Cidades liberou em 2014, na gestão do então ministro Gilberto Occhi (PP), R$ 34 milhões para projetos tocados pela empresa de um parceiro de negócios do filho e do enteado do político, que é hoje titular da Saúde. A GP Engenharia, do empresário Geraldo Majela de Menezes Neto – definido por Occhi como “amigo da família” –, foi escolhida para construir 610 moradias para famílias de baixa renda, dentro do programa Minha Casa Minha Vida, em Tobias Barreto.

Occhi denunciado 2
Os contratos com a empreiteira foram assinados após a venda, em 2013, das três lotéricas que conseguira em Alagoas, em conjunto com Gustavo Occhi, filho do ministro, e Diogo Andrade dos Santos, filho da mulher dele. Occhi é alvo de apurações internas na Caixa – na qual fez carreira e ocupou os mais importantes cargos.


Jeton 1
O presidente do Conselho da Emgetis, Rosman Pereira, não participou da reunião do Conselho, nesta segunda-feira, 21, pois estava na posse do novo presidente da Codise. Mesmo assim, Ézio Faro, presidente da Emgetis, que comandou a reunião, mandou pagar o jeton, que é devido quando da efetiva participação em reuniões deliberativas. Em contra-partida, o pessoal da limpeza e da copa cruzou os braços na terça-feira, dia 22, por falta de pagamento dos salários de abril.

Jeton 2
A empresa também está com os telefones cortados há mais de dez dias por falta de pagamento. O pagamento de jeton sem participação em reunião é ilegal. O salário dos terceirizados é questão de verba alimentar e o telefone é ferramenta de trabalho e atendimento aos clientes e usuários do governo. A denúncia foi feita por servidores da Emgetis.

Licença
O presidente da OAB/SE, Henri Clay Andrade, esteve em Brasília na terça-feira para comunicar ao Conselho Federal e ao Colégio de Presidentes da Ordem a sua decisão de licenciar-se da presidência para concorrer nas eleições deste ano. Hoje, HC retorna a Sergipe, onde se reunirá com seu vice-presidente, Inácio Krauss, para tratar dos detalhes relativos à transferência do cargo. Já na segunda, 28, em sessão ordinária do Conselho Seccional, Henri Clay formaliza o licenciamento.

Reajuste 1
A Prefeitura Municipal de Nossa de Senhora do Socorro informou na última terça-feira o índice do reajuste linear dos servidores municipais para 2018. O anúncio foi feito durante a reunião da Mesa Permanente de Negociação, com a participação de representantes da prefeitura e dos sindicatos de servidores. Após discussão durante diversas reuniões da Mesa, ficou definido um percentual de 5% de reajuste, valor que está acima da inflação deste ano.

Reajuste 2
O prefeito Padre Inaldo fez questão de destacar o valor do reajuste. “Nós sempre tivemos compromisso com nossos servidores e chegar a este percentual mostra isto. Estamos em meio a uma crise grande, mas mesmo assim fizemos todo o esforço possível para chegarmos a este percentual. Continuaremos para melhorar ainda mais a condição do servidor, tanto salarial quanto com as condições de trabalho. Além disso, mantemos o compromisso de pagamento em dia dos salários”, afirmou Inaldo.

Nada mudou
Para o pré-candidato a deputado federal Laurinho Menezes (PTB), as medidas anunciadas pelo Governo Federal para conter os protestos de caminhoneiros em virtude dos reajustes constantes no preço dos combustíveis não mudam em nada a atual política de preços adotada pela Petrobras. Entre 2017 e 2018 a gasolina e o diesel já aumentaram 47 vezes. “A política de reajuste permanece equivocada e pode causar um efeito cascata em toda economia. A economia do Brasil, que ainda está em fase de recuperação, não suportará tamanho peso”, afirma.