28/06/2018 as 08:56

Cartas falsas

Jackson Barreto entrou com uma ação na Justiça

A falsa carta causou indignação no conceituado médium Divaldo Franco, que chegou a gravar um vídeo em que nega a existência da carta.


Votação da LDO
Ontem, o
deputado estadual Francisco Gualberto informou que a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e de outros projetos não ocorrerá hoje, como estava previsto. A Mesa Diretora deverá marcar nova data.

Mais projetos
Segundo Gualberto, o Poder Executivo vai apresentar mais projetos importantes que precisam de discussão. “Como estarão na pauta projetos de muita importância social, a exemplo do reajuste do magistério, ficou combinado com a Presidência da Casa que não faremos a votação”, explicou.

LDO
Inclusive, sobre o projeto da LDO, os cidadãos precisam ter acesso ao teor, certo? Bom, se depender da Assembleia Legislativa de Sergipe, a população pode “sofrer” para conseguir chegar perto. Ontem, a coluna fez um teste, “penou” e não conseguiu.

Energisa deve 1
O Governo do Estado informa que está em processo de negociação com a Energisa para que ela pague R$ 161 milhões que deve de ICMS. O secretário da Fazenda, Ademario Alves, esteve reunido com diretor da empresa e comunicou que quer fazer o encontro de contas para que a Energisa abata o valor das contas de energia do Governo do Estado, que gira em torno de R$ 2 milhões/mês, do débito de ICMS da empresa com o Estado, que já tem em autuação cerca de R$ 160 milhões.

Energisa deve 2
As negociações irão prosseguir até que se chegue a um bom termo para as partes. O Governo de Sergipe informa que irá suspender o pagamento de energia até que uma contraproposta seja apresentada pela empresa. Caso haja insistência nos cortes, o governo ingressará com medidas judiciais para garantir o abastecimento de energia dos seus órgãos administrativos.

O pré-candidato ao Senado, Jackson Barreto, entrou com uma ação na Justiça para que se investigue os autores da falsa carta de Marcelo Déda, apresentada como se houvesse sido psicografada pelo médium Divaldo Pereira Franco e que continha diversos ataques a Jackson.

                                              

Carta falsa 2
A falsa carta causou indignação no conceituado médium Divaldo Franco, que chegou a gravar um vídeo em que nega a existência da carta. Do mesmo modo, a Federação Espírita do Estado de Sergipe (Fees) emitiu nota, assinada pela sua presidente, Glicenita Santiago de Lima, repudiando o ato, que desrespeita os princípios do pensamento e da práxis espírita.

Carta falsa 3
Classificada como fake news, notícia falsa que circula na internet, a carta atinge a memória de Marcelo Déda, a sua família e promove ataques ao pré-candidato ao Senado, Jackson Barreto, que vê nisso um ato desesperado dos seus adversários em face do crescimento e consolidação da sua pré-candidatura. “A ação que movemos – disse Jackson – objetiva que a Justiça peça investigação da Polícia Federal com o intuito de identificar autores e puni-los para que casos semelhantes não voltem a ocorrer”.

O prefeito Edvaldo Nogueira anunciou ontem o pagamento antecipado dos servidores municipais, referente ao mês de junho. Os funcionários ativos da administração direta e indireta, inativos e cargos comissionados poderão ter acesso aos salários a partir da tarde desta sexta-feira, 29. 

Pagamento antecipado 2
Além de realizar o quarto pagamento consecutivo dentro do mês trabalhado, no mesmo dia a prefeitura realizará o pagamento da parcela do 13° salário para as pessoas nascidas nos meses de maio e junho, o que reafirma o esforço que a gestão tem feito para honrar o compromisso com os servidores. Contudo, são mais de R$ 82 milhões injetados na economia sergipana.

Diálogo 1
O vice-presidente nacional do PT e pré-candidato a deputado federal de Lula, Márcio Macedo, reuniu-se ontem, em Brasília, com a presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, e também com o presidente nacional do Pros, Euripedes Júnior, e o presidente da Fundação da Ordem Social/Pros, Felipe Espírito Santo, para discutir a aliança política para as eleições 2018.

Impacto 1
Diante do anúncio da intenção da Petrobras em fechar as unidades da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen) em Sergipe e Bahia, o deputado federal João Lula Daniel (PT/SE) voltou a alertar para o impacto que tal medida causará à economia desses Estados, além da perda de emprego dos funcionários que trabalham direta e indiretamente ligados às fábricas.

Impacto 2
Durante sessão do Congresso Nacional, ele fez um apelo às bancadas do Senado e da Câmara para que estejam atentas a essa questão e unidas para evitar esse fechamento, que foi uma decisão anunciada ainda na gestão do ex-presidente da Petrobras, Pedro Parente. “Essa fábrica diz respeito a muito da economia desses dois Estados, principalmente no nosso caso de Sergipe”, falou.


Diálogo 2
“Tratamos sobre a aliança política para as eleições deste ano e saímos com um calendário para discutirmos a situação política em cada unidade da Federação. O Pros também apresentou algumas propostas que serão analisadas para o programa de governo”, disse Márcio.