27/11/2018 as 07:39

Subvenções

Caso das subvenções da Assembleia Legislativa foi remetido à Justiça sergipana

O processo envolve a conselheira Angélica Guimarães.


Ainda não 

Em conversa com o Periscópio, o deputado federal João Daniel disse que ainda não houve reunião do governador reeleito Belivaldo Chagas (PSD) com o PT para discutir a reforma administrativa ou mudanças no secretariado. Há expectativas de que este diálogo deva ocorrer nos próximos dias.

Investigações
A Procuradoria Regional Eleitoral em Sergipe realiza hoje uma entrevista coletiva sobre o resultado das investigações decorrentes das eleições gerais de 2018. A procuradora regional eleitoral Eunice Dantas iniciará sua fala a partir das 8 horas, na sede do Ministério Público Federal em Sergipe.

Economia 1
O governo está em fase final para lançar um aplicativo que vai substituir em grande parte as locações de veículos para a administração. Trata-se de um modelo que já existe em três unidades federativas: Goiás, São Paulo e Distrito Federal, além de estar disponível para setores do Governo Federal e até para o Tribunal de Justiça do DF.


Economia 2
O aplicativo é chamado TaxiGov e lá o servidor cadastrado, quando precisa se deslocar, chama o taxi que estiver
mais próximo. No fim do mês a cooperativa de táxis recebe os recursos e paga os motoristas. Isso deve gerar uma boa diminuição no custo com locação de veículos e motoristas.

Subvenções

E depois de todo esse tempo o processo que envolve a conselheira Angélica Guimarães, no caso das subvenções da Assembleia Legislativa, foi remetido à Justiça sergipana. Os advogados de defesa questionaram na Justiça qual deveria ser o foro adequado para o julgamento. Angélica era presidente da Assembleia quando estourou esse que foi um dos maiores escândalos na política sergipana.

Quer informações
Em ofício encaminhado à Prefeitura de Itabaiana, a delegada Thaís Lemos, do Departamento de Combate a Crimes Tributários e Administrativos (Deotap) solicitou informações sobre como funcionava o matadouro nas gestões dos agora deputados Luciano Bispo de Lima (MB) e Maria Mendonça (PSDB), ex-prefeitos do município. A delegada quer detalhes sobre o abate de gado no matadouro entre 2002 e 2012 (Luciano Bispo) e Maria Mendonça (2005 a 2008).

Deixa o PTC 1
O prefeito de Estância, Gilson Andrade, assinou nesta segunda-feira, 26, a sua desfiliação do PTC. Filiado desde 2009, ele deixa a sigla partidária, que não atingiu a cláusula de barreira nas últimas eleições. Gilson é ex-deputado estadual e foi eleito prefeito de Estância em 2016. Ele afirma que segue sem partido, mas já estuda convites de outras agremiações partidárias.


Deixa o PTC 2
“Agradeço aos dirigentes do PTC pelo apoio nos últimos anos, mas é o momento de buscar novos ares. Agora nossa maior preocupação é continuar conduzido Estância de maneira correta, pagando os salários dos servidores em dia, tocando diversas obras e oferecendo serviços de qualidade para os estancianos. Vamos analisar os convites e decidir nosso novo partido mais à frente”, afirmou Gilson Andrade.

IPTU 1
Amanhã, às 8h, o pleno do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ) vai dar continuidade ao julgamento referente ao IPTU de Aracaju. Conforme o JC vem acompanhando, o assunto volta à discussão porque o PSB interpôs um recurso para tentar modificar parte da decisão.

IPTU 2
Inclusive, caso essa decisão seja favorável, há uma possibilidade dos contribuintes da capital já pegarem o benefício do IPTU mais barato em janeiro do próximo ano. Aliás, o vereador Elber Batalha, presidente do diretório do PSB em Aracaju, lançou uma campanha para que o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) não recorra da decisão com um recurso no Supremo Tribunal Federal.

Em SP
Por falar em Edvaldo Nogueira, o gestor está em São Paulo, no encontro da Frente Nacional de Prefeitos, da qual é o vice-presidente. O gestor da Prefeitura de Aracaju deve mencionar o apelo que fez a Rodrigo Maia (DEM) sobre a votação do projeto da cessão onerosa do pré-sal, com destinação de parte dos recursos para estados e municípios.

Com Maia
O prefeito de Aracaju disse acreditar “na força, talento, capacidade e compromisso que Rodrigo Maia tem com os municípios, que ele já demonstrou várias vezes”. “Nossa confiança é que ele possa nos ajudar a vencer as dificuldades que os municípios estão enfrentando”, reiterou Edvaldo.

Juntos 1
No último sábado, o presidente da Câmara de Deputados, Rodrigo Maia (DEM), durante sua passagem por Sergipe conseguiu reunir lideranças de “todos os lados” em um só momento: almoço na residência de Jerônimo Reis, ex-prefeito e ex-deputado federal, no Povoado Brejo, em Lagarto.

Juntos 2
Sobre o encontro, o governador Belivaldo Chagas (PSD) até escreveu na rede social, em seu perfil pessoal no Twitter: “A hora é de somar força para vencermos as dificuldades e melhorar a vida da nossa população”. A publicação foi feita junto com uma foto onde apareciam Bosco Costa (PR), Rodrigo Maia (DEM), André Moura (PSC), Luciano Bispo (MDB) e Fábio Reis (MDB).