25/01/2019 as 07:42

Presidência

Luciano Bispo aguarda decisão sobre manutenção de seu novo mandato

Se a decisão for favorável, Luciano não apenas salvaria o mandato como seria reeleito presidente da Assembleia


Presidência

O deputado Luciano Bispo (MDB), atual presidente da Assembleia Legislativa, aguarda para as próximas horas uma decisão da ministra Rosa Weber, do TSE, sobre o recurso em que pede a manutenção de seu novo mandato conquistado nas eleições de 2018. Se a decisão for favorável, Luciano não apenas salvaria o mandato como seria reeleito presidente da Assembleia – diga-se de passagem – com grande facilidade. Seu nome é quase uma unanimidade entre os 24 deputados estaduais de Sergipe.

Tempo fatal
Se, entretanto, a decisão do TSE for negativa, Luciano Bispo ainda poderá recorrer ao STF, onde, segundo juristas especializados em direito eleitoral, as suas chances seriam bem melhores. Haveria apenas um porém, dentro dessa perspectiva: a provável demora na solução do problema pode culminar com a salvação do mandato, mas pode ser fatal em relação ao processo de sua reeleição. Não daria tempo para o nome de Luciano Bispo ser incluído na chapa da nova Mesa Diretora da Assembleia.

Candidatos
A nova Mesa Diretora será eleita pontualmente no dia primeiro de fevereiro e, enquanto o presidente Luciano Bispo espera esse dramático desfecho processual, o tempo não para e os bastidores políticos fervilham em articulações e especulações sobre a eleição. Há outros nomes em evidência para presidente. Os mais lembrados como alternativas a Luciano são os dos deputados Jeferson Andrade (PSD), Garibalde Mendonça e Zezinho Guimarães (MDB).

Sem novidades
Depois de reduzir o número de secretarias e fundir algumas pastas, Belivaldo Chagas (PSD) inicia o governo sem muitas novidades. Das 14 secretarias cujos titulares já foram anunciados, há apenas cinco nomes novos – os demais já ocupavam pastas no governo. Ainda assim, esses novos nomes foram indicados pelos mesmos agrupamentos políticos, que mantiveram seus espaços (leia-se o PT e o MDB).

Jeferson Andrade 1
O atual primeiro-secretário da Assembleia, deputado Jeferson Andrade, tem sido estimulado a entrar imediatamente em campanha para a presidência, mas sempre rechaça firmemente essa sugestão.

Jeferson Andrade 2
Ontem, em uma roda de políticos e jornalistas, ele foi categórico: “... sou homem de grupo, sigo nossos líderes e aliados, portando fique claro de uma vez por todas que o meu candidato a presidente da Assembleia é Luciano Bispo e ponto final”. E acrescentou: “...só depois de esgotados todos os recursos judiciais e diante dos limites de prazos estabelecidos pelos dispositivos regimentais para a formação da chapa é que poderei, então, examinar objetivamente essa possibilidade”.

Dificuldades 1
O fato de a oposição em Sergipe ter saído com uma derrota acachapante de mais uma eleição deixou ouriçados os membros do bloco governista. Vários partidos querem agora apresentar candidato à Prefeitura de Aracaju. O prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) terá que gastar muito da sua lábia para conseguir manter unidos em torno de si os partidos que apoiaram a sua eleição. Haverá dificuldades.

Dificuldades 2
Se conseguir unir o bloco, Edvaldo pavimenta um caminho mais tranquilo para a sua reeleição. Mas se, por outro lado, houver uma fragmentação do grupo governista, haverá um fortalecimento natural não apenas da oposição mas de um bloco que tenta viabilizar uma terceira via na capital, unindo nomes novos, que foram bem votados e que contam com a simpatia da classe média urbana. Isso poderia deixar a eleição totalmente imprevisível.

Partido
O senador Eduardo Amorim (PSDB) escreveu ontem na rede social, em seu perfil pessoal: “O PSDB é um partido onde seus dirigentes locais são escolhidos democraticamente, por convenção, e não por indicação. A fidelidade entre a direção nacional da sigla e seus diretórios estaduais é recíproca, um princípio pelo qual sempre prezamos”.

Obras
O prefeito Edvaldo Nogueira e o secretário municipal da Infraestrutura, Sérgio Ferrari, convidam para a assinatura da ordem de serviço das obras de infraestrutura, sinalização e acessibilidade da Avenida Beira Mar. A solenidade acontece logo mais às 8h, na praça de eventos Hilton Lopes, entre os mercados municipais de Aracaju.

Subsídios
A justificativa do governador Eduardo Leite (PSDB), do Rio Grande do Sul, para a Procuradoria do Estado ingressar com ações e tentar barrar o aumento nos subsídios dos juízes é que o reajuste teria uma repercussão no teto do funcionalismo estadual, que passaria de R$ 30,4 mil para R$ 35,5 mil – gerando um impacto de R$ 162,6 milhões aos cofres do Estado. Além disso, por lá os reajustes foram concedidos por atos administrativos do Tribunal de Justiça e Ministério Público. Em Sergipe, o reajuste foi aprovado na Assembleia, sem muita polêmica. Afinal, aqui é Sergipe...

Portal do advogado
Com novas funcionalidades, o Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) disponibiliza o novo Portal do Advogado e do Defensor Público. Para atender a uma ação do macrodesafio estratégico Celeridade e Produtividade na Prestação Jurisdicional, o espaço virtual foi totalmente remodelado com o objetivo de dar maior conforto e acessibilidade para os advogados públicos e privados, usuários do sistema.

Ex
Ontem, Ana Alves, ex-presidente do DEM, fez duras críticas ao vereador Vinicius Porto (DEM) durante entrevista ao programa de rádio “Jornal da Fan”. “É lamentável ver o quanto Vinicius errou enquanto homem, político e cidadão. Enquanto meu pai esteve no poder estava ali ao lado, depois ele vai para o outro lado e abandona João. Deu um péssimo exemplo. É um rapaz que tinha um futuro brilhante, mas caiu muito, ao menos na seriedade”, afirmou.