08/03/2019 as 07:52

Suplente

Alessandro Vieira nomeia como assessor seu suplente, Fernando Carvalho

Quatro derrotados nas eleições de outros estados também foram nomeados


Encontro 1
Em conversa com a coluna, o ex-deputado federal Valadares Filho (PSB) confirmou que se reuniu com o presidente municipal do PCdoB, Júnior Trindade. Segundo VF, Trindade solicitou o encontro – e o ex-deputado não recusou, pois são amigos desde os tempos de movimento estudantil.

Encontro 2
Valadares lembrou que o PCdoB e PSB são partidos historicamente próximos, no cenário nacional – mas que em Sergipe estão em lados opostos. Ele ainda afirmou que o PSB tem posicionamento claro de oposição a Edvaldo Nogueira, e que Júnior do PCdoB respeitou isso – e não tratou de política municipal com ele.

PSB
Valadares Filho garantiu que o PSB vive um momento de intensa movimentação, de preparação para a eleição de 2020, quando pretende apresentar candidatura própria, em um projeto que ainda está sendo construído. Isso o coloca em rota oposta à de Edvaldo Nogueira.

Multas
A Secretaria da Fazenda apertou a fiscalização nos restaurantes da capital, deixando empresários à flor da pele. O governo está acompanhando com mais rigor o valor recebido pelos pagamentos em cartões de crédito com as notas fiscais emitidas, detectando um hiato nas contas. Isso tem gerado multas altas – e tem estabelecimento que não aguentou e fechou.

Neópolis
Retificando matéria publicada ontem na página de política, o prefeito de Neópolis, Célio Lemos Bezerra, o Célio de Zequinha, afirmou que o investimento feito pela prefeitura no Carnaval foi de R$ 500 mil. Segundo ele, R$ 250 mil foram apenas para custear as bandas de frevo e a ornamentação da cidade. Cada banda de frevo cobra cerca de R$ 28 mil para tocar os cinco dias da festa.

Na Alese 1
O governador do estado, Belivaldo Chagas, após pedido feito pelo deputado estadual Gilmar Carvalho decidiu apresentar relatório com as contas públicas do estado, na Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe. A sessão especial acontecerá no dia 21 de março.

Na Alese 2
Belivaldo havia informado que a reunião com os parlamentares seria no Palácio dos Despachos, mas a partir da necessidade de sabatinar o governador sobre as contas, Gilmar solicitou que fosse feita em sessão especial na Alese.

Suplente

O senador eleito por Sergipe, Alessandro Vieira, em uma informação levantada pela coluna de Guilherme Amado, no portal Época, nomeou como assessor seu suplente, Fernando Carvalho – e mais quatro derrotados nas eleições de outros estados. A nomeação do suplente, agora assessor, foi publicada no dia 4 de fevereiro de 2019. Alessandro chegou a divulgar que sua assessoria seria nomeada após processo seletivo nacional e que iria fiscalizar a equipe dos parlamentares sergipanos.

Para Gualberto 1
“Quando não somos capazes de enfrentar alguma coisa, procuramos desvalorizá-las com críticas; um meio ideal de facilitar nossa tarefa”, disse o deputado estadual Georgeo Passos (Rede), lembrando do pensamento do psicanalista Sigmund Freud para responder a Francisco Gualberto (PT), vice-preside nte da Assembleia Legislativa, sobre o pronunciamento feito na semana passada referente à situação financeira do estado.

Para Gualberto 2
“Eu mencionei algumas despesas, inclusive, as despesas de pessoal, mas o deputado Gualberto não ouviu. Ele reclama quando a gente diz que houve aumento da arrecadação, e houve, isso é fato. Basta consultar o próprio secretário da Fazenda para ver que o Governo arrecada mais”, comentou Georgeo Passos ontem, na Alese.

PEC da senadora
Ontem, durante sessão na Corte de Contas, o conselheiro Carlos Pinna enalteceu, mais uma vez, a PEC da senadora Maria do Carmo (DEM). “Já foi aprovada na CCJ por unanimidade e vai agora para votação do plenário. O objetivo da emenda é integrar os tribunais de contas com o controle das políticas públicas desenvolvidas no Brasil. É muito oportuna a iniciativa da senadora”, comentou.

Rodovia
O deputado estadual Dr. Samuel Carvalho (PPS) cobrou do Governo do Estado segurança no trecho da BR-101, que dá acesso ao município de Nossa Senhora do Socorro. “Empresas do município já foram assaltadas. Ali é um local estratégico para fuga de bandidos. Recebi com tristeza que sete pais de família foram assaltados. Então, peço que o governador verifique essa situação e coloque um posto policial para ajudar na segurança do nosso município”, destacou.

Medida provisória

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) escreveu na rede social, em seu perfil pessoal, sobre a medida provisória da obrigatoriedade das contribuições. “No meu entendimento, o governo federal age de forma pequena e mesquinha para fazer com que a classe trabalhadora perca representatividade. Eu já me coloquei contra e faço um convite aos colegas deputados de todo o estado de Sergipe para que também se posicionem assim”, registrou.