06/12/2017 às 13h39 - Política

TJ vota contra afastamento do deputado Adelson Barreto Filho

Por maioria dos votos, Pleno do Tribunal de Justiça foi a favor da permanência de Tijoi no cargo.

Por: JornaldaCidade.Net

O Pleno do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE) votou, nesta quarta-feira (6), a favor da permanência do deputado estadual Adelson Barreto Filho (PR) no cargo. O pedido de afastamento de Tijoi partiu do PEN (Partido Ecológico Nacional) por meio de um mandado de segurança.

 

Foto: Acrísio Siqueira

 

Votaram a favor de Adelson os desembargadores Osório de Araújo Ramos Filho, Rui Pinheiro, Luis Mendonça, Edson Ulisses, José dos Anjos, Alberto Romeu, Diógenes Barreto e as juízas convocadas maria Angélica França e Souza e Ana Bernadete Leite de Carvalho. Contrários à permanência de Tijoi no cargo votaram os desembargadores Ricardo Múcio, Iolanda Guimarães e Roberto Porto.

 

Adelson Barreto Filho responde a processo judicial por envolvimento em suposto esquema de desvio de verbas indenizatórias na época em que era vereador pela Câmara Municipal aos vereadores de Aracaju. Ele foi alvo de investigação na Operação Indenizar-SE realizada pelo Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap) da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) e não concluiu o mandato de vereador, encerrado em dezembro do ano passado.

 

O advogado Márcio Lima, que atua no processo em favor do PEN, informou que o partido analisará a possibilidade de recurso e afirmou que pode entrar com uma apelação junto ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). 

Comentários

comments powered by Disqus