11/06/2018 as 15:24

Política

Ministro da Saúde e Belivaldo Chagas autorizam mais de R$56 milhões em investimentos para saúde

Na oportunidade, o ministro também assinou o Termo de Doação de veículos a seis municípios sergipanos.


Ministro da Saúde e Belivaldo Chagas autorizam mais de R$56 milhões em investimentos para saúdeFoto: Marcelle Cristinne/ASN

“Essa verba servirá de reforço para melhorar as condições de atendimento nas nossas unidades hospitalares, a rede como um todo vai sair beneficiada”. Assim definiu o governador Belivaldo Chagas quando se referiu aos investimentos que serão realizados na área da Saúde, após a liberação do repasse realizada pelo ministro da Saúde, Gilberto Occhi, durante sua passagem por Sergipe nesta segunda-feira (11).

Foram liberados R$ 56.873.247,00 para o custeio do Sistema Único de Saúde no Estado. Na oportunidade, o ministro também assinou o Termo de Doação de veículos a seis municípios sergipanos. As caminhonetes serão destinadas ao trabalho no Combate a Endemias, nos municípios de Campo do Brito, Ribeirópolis, Propriá, Santana de São Francisco, Santo Amaro das Brotas e Canhoba. O investimento do Ministério da Saúde é de R$ 656.400,00.

"Deste montante, R$50,8 milhões vão direto para o governo do Estado para que ele possa fazer repasse para os hospitais que têm contrato com o governo. E R$ 6 milhões para o município de Socorro. Eu quero ressaltar que além de ser um apoio do governo Federal, essa é uma decisão da bancada federal, de todos os deputados e senadores, que destinaram de suas emendas impositivas, uma emenda da bancada de Sergipe para a Saúde", declarou o ministro.

Os R$ 56.873.247,00 são referentes à Emenda de Bancada para o Estado de Sergipe (MAC/PAB). Os recursos são destinados à utilização em incremento temporário no custeio das ações e serviços Públicos de Saúde, nas despesas para o funcionamento dos hospitais de alta e média complexidade da rede pública estadual.

"Essa ajuda é de grande importância. Num momento de dificuldade o qual estamos passando, poder receber esse recurso para o custeio é uma ajuda significativa. Chegou na hora certa e será investido, principalmente, nos hospitais regionais", celebrou o secretário de Estado da Saúde, Valberto Lima.

Para o prefeito da cidade de Santo Amaro, Genivaldo dos Santos, a chegada do veículo intensificará as ações da pasta municipal. "Diante da situação que os municípios estão passando todo recurso é bem-vindo, ainda mais na área da Saúde. Esses recursos serão aplicados nas áreas de endemias e nas outras áreas pertinentes. Vamos investir na área que estamos mais necessitando", afirmou.

"Em Socorro, temos 27 postos, 19 precisam de reforma, cadeiras, ar-condicionado, computadores, materiais que melhorem a qualidade do serviço prestado à comunidade. Esses recursos serão empregados para manutenção, para melhorar a saúde do nosso povo. Os recursos chegam de imediato, essa semana ainda deve estar na conta", explicou o prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Inaldo da Silva.

União da bancada

Os investimentos liberados pelo governo Federal, através do Ministério da Saúde, como foi destacado pelo ministro, foram fruto de Emenda da Bancada Federal. O deputado federal Laércio Oliveira ressaltou a importância da união em prol dos sergipanos. "O nosso principal olhar tem que estar voltado para a Saúde. A bancada federal se uniu, e o esforço de todos promoveu este momento. Esse é um exemplo maior do que podemos ao unir nossas forças, sem cor partidária, ideologia. A gente precisa baixar nossas bandeiras e olhar as necessidades da população. Nós precisamos fazer isso na ação social, na segurança, na educação".

"O nosso estado vem sofrendo bastante, principalmente, com a falta de recursos. E esse, com certeza, trará alívio os hospitais regionais e ao Huse. A bancada federal está de parabéns pela união, e o trabalho do governador Belivaldo Chagas e do ex-governador Jackson Barreto foi fundamental para que pudesse estar recebendo esses recursos. O ministro imediatamente atendeu a solicitação da nossa bancada", destacou em seu discurso o deputado Fábio Reis.

CER IV

Durante sua visita ao estado, o ministro da Saúde visitou o Centro Especializado em Reabilitação IV - CER IV. Com 95% da obra executada, o CER IV ocupará uma área total de 27.785 m², sendo que 7.176 m² de área construída. A estrutura física foi concluída, restando a implantação das instalações elétricas e finalização da pintura e revestimentos.

O CER IV está orçado em R$ 23,5 milhões, sendo R$ 18,8 milhões do Ministério da Saúde, através de emenda parlamentar, e R$ 4,7 milhões de contrapartida estadual, provenientes do Proinveste. Estão previstos cerca R$ 5 milhões para aquisição de equipamentos. Em junho de 2017, o governo do Estado recebeu Parecer Favorável do Ministério da Saúde, assegurando R$ 2 milhões para a compra de equipamentos. O restante dos R$ 5 milhões será despendido pelo governo do Estado.
Cerca de 2.500 usuários por mês estão previstos para receber atendimento no Centro de Reabilitação. Os usuários contarão com brinquedoteca, biblioteca adaptada, sala de vídeo, campo de futebol, ginásio de fisioterapia ortopédica, duas piscinas cobertas e aquecidas para pacientes em tratamento de hidroterapia e anfiteatro.

"A expectativa é que, dando tudo certo, possamos ver isso aqui funcionando nos próximos 120 dias. A obra em si será concluída nos próximos 40 dias, mas o funcionamento do Centro somente ocorrerá quando tivermos a garantia de que todos os equipamentos estarão aqui", destacou o governador Belivaldo Chagas.

Para o ministro da Saúde, o Centro Especializado será referência no atendimento às pessoas com deficiência dentro e fora de Sergipe. "Esse é um local que vai cuidar dessas pessoas, dando a elas uma recuperação para que possam levar uma vida cada vez mais normal. Aqui, o Ministério está investido mais de R$ 20 milhões na construção e na colocação dos equipamentos necessários. O próximo passo, a partir do momento que estiver funcionando, o Ministério da Saúde também ajudará a bancar as despesas desse Centro, junto com o Estado e, eventualmente, os municípios se assim for pactuado. Essa obra irá transformar o estado de Sergipe em referência no atendimento à reabilitação das pessoas que aqui buscarem esse serviço. É uma grande obra que muito em breve estará equipada e atendendo a população", ressaltou Gilberto Occhi.

Representando a Comissão Estadual de Acessibilidade e Mobilidade, Leonel Aquino reconheceu o empenho do governo do Estado. "É um marco que nós agradecemos de coração ao governo, pois aqui teremos uma qualidade de vida melhor, aqui todo tipo de tratamento será feito, então, nós teremos um conforto maior. Já estão começando a respeitar o deficiente. Este governo está fazendo isso! Nós nos sentimos muito felizes por que estamos sendo respeitados".

Radioterapia no Huse

Em abril, o governo de Sergipe inaugurou as novas instalações do Centro de Oncologia Dr. Oswaldo Leite, com a nova unidade de Radioterapia do Hospital de Urgência de Sergipe. Foram entregues bunker e novo Acelerador Linear. As novas unidades também foram visitadas pelo ministro.

O superintendente do Huse, Dr. Darcy Tavares, afirma que com as novas instalações no setor de Radioterapia, a fila de espera tem diminuído consideravelmente. "Esperamos que essa fila diminua e que acabe. Já tivemos uma fila com 600 pacientes, hoje conseguimos reduzir para 270/mês e ainda não estamos com o aparelho em sua capacidade máxima. Quando tivermos, essa fila reduzirá ainda mais. O nosso objetivo é que não existam mais filas", comentou o superintendente do Hospital de Urgência de Sergipe.

O bunker, construído pelo governo do Estado, recebeu o investimento de R$ 2.129.997,03, com recursos do Ministério da Saúde. O acelerador linear, que foi adquirido pelo Ministério da Saúde, é o sexto aparelho inaugurado no Brasil, dentro do Plano de Expansão da Radioterapia no SUS. O investimento do MS na aquisição do aparelho foi de R$ 4.176.359,10.

"O nosso acelerador linear é muito importante para o tratamento oncológico. Nós vamos avaliar a possibilidade de ampliar o turno, já que estamos funcionando por um período de 10 horas. Estamos analisando a possibilidade de funcionar por mais 4h, teríamos assim um turno de 14 horas, com condições de ampliar de 50 para 70 atendimentos/dia", afirmou Belivaldo Chagas.

Durante a visita à nova unidade de Radioterapia do Huse, o ministro da Saúde elogiou os esforços do governo em prol da pasta e reforçou o apoio do governo Federal. "Sergipe está de parabéns pelo trabalho que está fazendo. E o governo federal tem feito um grande esforço para que não faltem recursos na área da Saúde. E até mesmo na aprovação do limite dos gastos, Saúde e Educação são as únicas duas áreas onde não existe teto, existe piso. Então, não faltará dinheiro e sempre haverá recursos para a Saúde no Brasil".

O novo acelerador atualmente está atendendo 48 pacientes/dia. Dentro do cronograma de implantação, atenderá 70 pacientes/dia nos próximos meses. O primeiro aparelho de radioterapia do Huse funciona há 17 anos.

ASN