11/07/2018 as 10:13

PRE

Deputados cassados estão inelegíveis, diz procuradora


Deputados cassados estão inelegíveis, diz procuradoraEunice Dantas concedeu entrevista a George Magalhães - Foto: Jadilson Simões/Equipe JC

A Procuradora Regional Eleitoral, Eunice Dantas, disse na manhã de ontem, 10, que os parlamentares de Sergipe que tiveram seus mandatos cassados continuam inelegíveis – e que o MPE irá recorrer da decisão por entender que a condenação no Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) foi por unanimidade, embora quatro ministros, Tarcísio Vieira, Napoleão Nunes Maia Filho, Jorge Mussi e Admar Gonzaga votaram a favor de extinguir os processos. Os outros três ministros do TSE, Luiz Fux, Edson Fachin e Rosa Weber, votaram contra.

Em entrevista ao radialista George Magalhães, no “Jornal da Fan”, a procuradora Eunice Dantas explicou que o caso foi denunciado pelo Ministério Público Eleitoral, que reuniu todas as provas necessárias para que ocorresse a cassação dos mandatos dos parlamentares, além da condenação a pagamento de multa à conselheira Angélica Guimarães, à época presidente da Assembleia Legislativa.

Quanto à cassação do mandato da prefeita Gerana Gomes Costa Silva (PTdoB) e do vice-prefeito Luciano Goes, de Riachão do Dantas, a procuradora explicou que foi por causa da divulgação de uma pesquisa que não havia sito autorizada.

Ao final da entrevista, a procuradora Eunice Dantas comentou sobre a decisão de manter o ex-presidente Lula preso, após o TRF-4 determinar sua liberdade. Para ela, isso acabou desmoralizando o Judiciário.