07/08/2018 as 13:10

Política

Edvaldo anuncia Jorge Araújo Filho como presidente interino da Fundat

O secretário Jorge Araújo Filho disse ter recebido o convite com “muita tranquilidade”.


Edvaldo anuncia Jorge Araújo Filho como presidente interino da FundatFoto: Marco Vieira/PMA

O prefeito Edvaldo Nogueira definiu, nesta terça-feira, 7, que o advogado Jorge Araújo Filho, que é secretário da Juventude e Esporte de Aracaju, passará a acumular interinamente o cargo de presidente da Fundação Municipal de Formação para o Trabalho, a Fundat. Ele substitui Luiz Roberto Dantas, que passa a se dedicar integralmente à presidência da Empresa de Serviços Urbanos (Emsurb).

 

“Jorginho é um secretário muito eficiente e é a presença da juventude nos espaços de destaque na nossa gestão. Ele tem dado uma contribuição muito grande em seu trabalho na Secretaria de Juventude e Esporte, com sua capacidade e talento. Como havia a necessidade de deixar Luiz Roberto exclusivo da Emsurb, dada a importante tarefa de cuidar da limpeza pública da cidade, discuti com a direção do PSD, partido que indicou a presidência da Fundat, e chegamos ao nome de Jorginho, que trabalha com muita dedicação, zelo, responsabilidade, compromisso e competência”, afirmou o prefeito.

 

O secretário Jorge Araújo Filho disse ter recebido o convite com “muita tranquilidade” e ressaltou que irá “retribuir a confiança com a mesma dedicação e eficiência da gestão, seguindo o planejamento estratégico” da Prefeitura de Aracaju. “Tenho uma facilidade maior do que uma pessoa que chega de fora, pois já faço parte da equipe. Alem disso, ajuda muito o fato de a Fundat já estar andando, pois tem um trabalho muito bem desenvolvido pelo presidente Luiz Roberto. Conheço a equipe, a diretoria. O que posso garantir para a sociedade aracajuana foi o que garanti ao prefeito: irei redobrar o trabalho, vou fazer ainda mais, dar atenção às duas pastas, para tratar das questões de igual forma”, afirmou.

 

O novo presidente da Fundat pontuou que atuará sob o foco central do órgão, que é “trabalhar para reduzir o desemprego na cidade e desenvolver políticas eficazes de empregabilidade”. Neste sentido, ele lembrou que, na Sejesp, ele já mantinha uma boa relação com a fundação, dado o trabalho com foco nos jovens. “No Departamento de Juventude da Secretaria, o foco é a empregabilidade e a inclusão do jovem, com capacitação e qualificação”, frisou.

 

AAN