13/05/2019 as 08:40

Inquérito policial

Parlamentares militares são oficiados para justificar uso de farda nas sessões plenárias

Esses militares teriam usado a túnica da polícia militar durante evento.


O Comando da Polícia Militar do Estado de Sergipe (PM/SE), instaurou na semana passada, um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar uso de túnica por parte de parlamentares, já que são quatro militares que ocupam cargos eletivos, a exemplo do deputado estadual capitão Samuel Barreto, e os vereadores sargento Zezinho do Bugio, cabo Amintas e cabo Didi.

Esses militares teriam usado a túnica da polícia militar durante evento. Por conta disso, o comando encaminhou um oficio aos parlamentares para que informassem se fizeram o uso.

Sobre esse procedimento adotado pelo comando, militares estão se posicionando contrários, até porque o Comando da PMSE já participou, pessoalmente ou se fazendo representar, em diversas solenidades na Câmara de Vereadores de Aracaju e na Assembleia Legislativa com parlamentares fardados.

Na manhã desta segunda-feira (13), o vereador cabo Didi confirmou que recebeu um oficio do comando solicitando informações. “Eu recebi na semana passada o comunicado do comando e vamos responder. Sou militar da reserva, trabalhei vinte anos na polícia militar e nunca recebi uma punição, tenho a ficha limpa. Vamos responder e aguardar”, disse cabo Didi.

Para o presidente da Amese, sargento RR Jorge Vieira da Cruz, “isso é no mínimo estranho. Só agora ele viu isso. Isso é feito no Brasil todo. Ele devia deixar que os órgãos que estão investigando façam o seu papel. Entrou na situação desnecessária, levando o nome da instituição negativa para a sociedade”, disse o presidente da Amese.

Já no caso do deputado e presidente da Comissão de Segurança na Alese, capitão Samuel Barreto, a situação é diferente. O parlamentar disse que “no início do mandato eu mandei um ofício pedindo autorização. Isso se resolve enviando ofício solicitando uso da farda em outros locais diferente de solenidade militar”, explicou o parlamentar.











Quer receber as melhores notícias no seu Whatsapp?

Cadastre seu número agora mesmo!

Houve um erro ao enviar. Tente novamente mais tarde.
Seu número foi cadastrado com sucesso! Em breve você receberá nossas notícias.