18/03/2019 as 10:00

Gastronomia

Comida típica é patrimônio imaterial de Aracaju

Amendoim cozido e beiju são algumas das deliciosas iguarias que fazem parte da cultura da Capital sergipana


Comida típica é patrimônio imaterial de Aracaju

Além da arte, é também por meio da culinária que um povo expressa a cultura. Nesse contexto, deve-se destacar que diversas guloseimas contam muito da história de Aracaju. Vale destacar que a comida é expressão da cultura não somente quando produzida, mas, também, quando preparada e consumida, segundo Massimo Montanari, professor de história medieval e história da alimentação na Universidade de Bolonha, na Itália. Para ele, as pessoas não utilizam apenas o que é oferecido pela natureza, mas criam alimentos, preparam-nas, seguindo técnicas, e não comem qualquer coisa, escolhendo o que lhes convém conforme critérios também culturais.


E é nesse processo que a culinária vai refletir os costumes de um povo e também outros aspectos culturais, como as religiões e até mesmo a política. Em Aracaju, comidas populares como saroio, bolachinha de goma, beiju, ginebe, malcasado, amendoim verde cozido, queijada, pé de moleque, manauê e doce de pimenta do reino são reconhecidas como patrimônios culturais imateriais, de acordo com a Lei nº 3.685, de 13 de março de 2009.


O Programa Nacional do Patrimônio Imaterial que os Estados brasileiros vêm desenvolvendo entende como patrimônio cultural imaterial as práticas, representações, expressões, conhecimentos e o saber-fazer de um povo, associados às comunidades, aos grupos e, quando for o caso, aos indivíduos que reconheçam como fazendo parte do patrimônio cultural deles.


Ao longo dos 164 anos de Aracaju – lugar onde muitos cresceram e conviveram –, as pessoas foram, aos poucos, “construindo” algumas comidas como material cultural, dando forma ao comportamento alimentar do aracajuano e ligando-o diretamente ao sentido e à identidade social de cada um.











Quer receber as melhores notícias no seu Whatsapp?

Cadastre seu número agora mesmo!

Houve um erro ao enviar. Tente novamente mais tarde.
Seu número foi cadastrado com sucesso! Em breve você receberá nossas notícias.